Sobre a agressão ao padre Marcelo Rossi

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Pinterest
  • Compartilhar no Twitter

A enfermidade de nossa sociedade levou a violência para os recintos religiosos, lugares tradicionalmente invioláveis.

Sobre a agressão ao padre Marcelo Rossi

Foi chocante ver a agressão que o padre Marcelo Rossi sofreu, durante o encerramento da missa do PHN, na Canção Nova (em Cachoeira Paulista, no domingo, dia 14 de julho).

Uma moça entrou no palco e o empurrou sobre os fiéis, numa altura de dois metros, sendo que ele não sofresse nada de grave, apenas dores nas pernas.

O vídeo do ataque viralizou pela internet imediatamente o fato ocorrido, tranqüilizando logo em seguida, quando o padre Marcelo Rossi retornou ao palco para encerrar a missa, ao lado do cantor Dunga e outros religiosos. Chegou a gravar mensagem atribuindo à sua fé em Nossa Senhora e em Jesus Cristo, o "milagre" de não ter sofrido nada mais grave, tendo em vista que ele possui problemas de coluna.

<<<< ASSSISTA O VIDEO DA AGRESSÃO AO padre Marcelo Rossi  >>>

Mas o fato em si causou reações de perplexidade não apenas entre os católicos. A moça que o agrediu disse depois em depoimento à Polícia, de que sofre de transtorno bipolar, e que queria apenas conversar com o padre, mas como foi visto no vídeo, ela não apenas o empurrou com força, mas ainda riu do que fez o que tornou o ato mais bizarro. O padre Marcelo Rossi disse que não irá processá-la e que o seu B.O. são a Bíblia e a oração. 

O que esse episódio mostra é a banalização da violência em nossos dias, inclusive dentro de espaços e ambientes até então impensáveis. Recentemente também houve um ataque dentro da Catedral de Campinas, quando um jovem atirou e matou vários féis dentro da igreja. Isso parece que vai se tornando rotina, o que é muito preocupante.

Aonde pensávamos que poderia haver a maior segurança (dentro de uma igreja), acabou ficando também um lugar vulnerável. O que poderá estar acontecendo? 

O fato é que está escasseando nas pessoas de hoje o temor a Deus, por isso vemos a banalização da violência por toda a parte. Há também um agravamento do sentido da vida, e uma crescente desvalorização da pessoa como ser humano.

São sintomas de enfermidade da sociedade e da cultura (que é global), em nosso tempo. Por isso precisamos reforçar as nossas instituições (principalmente educacionais), para que possamos redescobrir o sentido e o valor da vida humana.

Rezemos para que o padre Marcelo Rossi restabeleça a sua saúde e que  sejam feitas investigações sobre as motivações desse fato, para que possamos compreender melhor o que houve e evitar que novas situações como estas voltem a acontecer.

*Valmor Bolan é Membro Honorário do Conselho de Reitores Brasileiros (CRUB) e professor da Unisa. Ex-Reitor. Doutor em Sociologia. Pós-graduado em gestão universitária pela Organização Universitária Interamericana (OUI) ,sediada em Montreal, Canadá.

foto: Google

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Pinterest
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Sobre a agressão ao padre Marcelo Rossi

Enviando Comentário Fechar :/